1/2
  • Comunicação MP|RS*

Prefeito de Paverama é condenado por uso da máquina pública

O prefeito de Paverama, no Vale do Taquari, Vanderlei Markus (PMDB), e o irmão dele, Vilmar Markus, foram condenados a dois anos de reclusão em regime aberto – pena que foi substituída por prestação de serviços à comunidade – e pagamento de multa pela utilização de serviços públicos em benefício próprio.

Crédito foto: Divulgação | MP

Parque do atual prefeito de Paverama, no Vale do Taquari

A sessão da Quarta Câmara Criminal, que julgou parcialmente procedente a denúncia oferecida pela Procuradoria de Prefeitos contra os dois, ocorreu no último dia 07. Atuou na sessão a coordenadora da Procuradoria de Prefeitos, Ana Rita Nascimento Schinestsck.

Conforme a denúncia, entre março e abril de 2013, o prefeito e seu irmão se utilizaram indevidamente de serviços públicos ao empregarem em área particular – no Parque de Eventos Arno Markus, onde têm parcela do terreno – mão de obra prestada por servidores públicos remunerados pelo erário, em horário de expediente.

Eles resolveram edificar um Parque de Eventos no local e, durante a execução das obras, surgiu a necessidade de reparos nas instalações hidráulicas. Para tanto, dois servidores realizaram os consertos.

Os trabalhos ocuparam três turnos (um dia inteiro de um servidor e um turno de outro). Nesse período, os servidores receberam o salário pelos cofres municipais, deixaram de prestar atividades com finalidade pública e empregaram sua mão de obra para benefício de interesses particulares.

*Texto da Comunicação do MP|RS, publicado hoje, reproduzido aqui com alteração do título, por razão de espaço, colocação do partido do prefeito e localização geográfica da cidade no Estado.

#Paverama #RepórterGramado