1/2
  • Por Roque Tomazeli

Braille: vereador Ubiratã pede regulamentação da lei do cardápio

O vereador Dr.Ubiratã (PP) intercedeu em favor da legislação municipal (Lei 2095/2003) que torna obrigatório a oferta de pelo menos um cardápio pelo Sistema Braille em cada estabelecimento da rede hoteleira e gastronômica de Gramado.

Crédito foto: Divulgação I CM

Vereador Dr. Ubiratã (PP) defende o cardápio pelo Sistema Braille em Gramado

Um requerimento do vereador, solicitando a regulamentação da legislação de Gramado, foi lido na sessão da Câmara Municipal ontem à noite (12/6) e será despachado para que o Executivo adote a providência.

A lei do cardápio, aprovada em Gramado em 2003, foi pioneira nesse sentido no Estado do Rio Grande do Sul e serviu de modelo para outros municípios gaúchos. Anos depois, a obrigatoriedade do cardápio pelo Sistema Braille virou lei estadual e lei nacional.

Publicações do Repórter Gramado relacionadas:

http://www.reportergramado.com.br/single-post/2017/05/18/Vaca-cega

http://www.reportergramado.com.br/single-post/2017/05/16/Vida-e-desafios-de-Marcelo-cego-bacharel-em-Direito-de-Gramado

#VereadorUbiratãOliveira