1/2
  • Por Roque Tomazeli

Patrimônio e esporte: Gramadense estreia neste domingo no Campeonato Gaúcho de Futebol B

Em fase de execução de obras orçadas em R$ 11 milhões (em 2016, mas que podem alcançar R$ 18 milhões atualmente), prevendo uma estrutura de espaço multiuso com capacidade de receber até 3 mil pessoas em realizações voltadas para o futebol, eventos e shows, o Centro Esportivo Gramadense (CEG) estreia profissionalmente neste domingo, 3, contra o Garibaldi, pelo Campeonato Gaúcho de Futebol Série B. O jogo, às 15h, é em Garibaldi.

Comissão técnica e dirigentes do Gramadense na entrevista coletiva no Hotel Laghettto Stilo Vita


Conforme o presidente do CEG, Sandro Bazzan, em entrevista coletiva concedida na quinta-feira, 30 de junho, o orçamento anual do clube destinado ao futebol (em todas as categorias) deve girar em torno de R$ 1,2 milhão, suportado com receitas a exemplo de aluguéis, sem tocar nos recursos previstos para a construção do novo estádio.


A obra, em uma área de 15,5 hectares na Linha Carazal, saída para Nova Petrópolis, já tem sua fase de terraplenagem concluída e, ainda de acordo com Bazzan, estará parcialmente concluída em 2024, sendo capaz de receber jogos do CEG.

Estágio das obras do novo estádio, em fevereiro de 2022


FUTEBOL

De acordo com a direção do CEG, a maioria dos jogadores que disputarão o campeonato é da região – alguns há mais de 10 anos no Gramadense, formados no projeto social desenvolvido dentro do clube.


O primeiro jogo do CEG, em Gramado, é contra o Marau, domingo, dia 10, às 15h, na Vila Olímpica da Várzea Grande.


Crédito fotos: Roque Tomazeli


Texto atualizado às 11h50, corrigindo acentuação.